Terça-feira, 9 de Junho de 2009

EM POMBAL NADA FAZ MAL - Parte II

 

O autocarro da Câmara Municipal de Pombal já tinha o motor ligado, mas ninguém tinha pressa em sair da mesa onde um excelente convívio e uma amena cavaqueira prendia os comensais já de papo cheio.
No entanto havia compromissos assumidos pela organização. É que a vertente cultural, o conhecimento de aspectos característicos e específicos dos lugares dos encontros é uma constante que se mantém desde a primeira hora, desde que os pioneiros de Soure, ousando vencer o afastamento, a dispersão e até uma certa inércia, tomaram, em boa hora, a iniciativa de arrancar com estes encontros de antigos alunos. Basta ouvir falar o Zé Carlos Guardado ou algum dos seus “muchachos”.
A empresa RENOESTE, uma unidade de processamento de sal, esperava-nos, impaciente, pela tardança dos convidados. Uns no autocarro, outros em carro próprio ou dos amigos lá começaram a chegar ao Carriço (segundo os entendidos, o nome Carriço derivará do nome de uma planta que abunda naqueles areais, o carriço da areia, Carex Arenaria).
Lá nos aguardava uma simpática guia, tão versada nos assuntos relacionados com a estrutura e funcionamento da RENOESTE e dotada de tais dons que impediam qualquer aluno de estar desatento. Não fora uma ardente sede que de quando em vez encaminhava os presentes para o bebedouro da empresa, a verdade é que ninguém arredava o pé, nem o ouvido e muito menos o olhar de tão atraente mestra. Um primor de exposição! Não sabem o que perderam os faltosos!
Mas vamos lá á bendita central de “Cogeração”. Esta central produz conjuntamente calor e electricidade, a partir da queima do gás natural. A electricidade serve para alimentar a fábrica de sal da RENOESTE. O calor produzido na central de cogeração, sob a forma de água quente, é enviado para a fábrica de sal, onde será utilizado para o aquecimento da salmoura depositada dentro das salinas, aqueles enormes tanques que observámos. O sal aqui produzido é utilizado na produção de cloro numa fábrica de Estarreja.
E as vantagens são muitas: os custos de produção de sal são reduzidos, do ponto de vista energético e económico; tem uma grande importância do ponto de vista ambiental porque sem a existência da cogeração seria preciso ocupar uma área muito grande de terrenos com salinas. Isto seria bastante prejudicial porque a área de concessão da RENOESTE está inserida numa zona de Reserva Ecológica Nacional, que seria potencialmente afectada. Por sua vez, as cavernas de onde foi extraída a salmoura, são utilizadas para a armazenagem do gás natural da TRANSGÁS. (- Será que tomei as notas certas no caderno de casa?)
Basta! Vamos à Sardinhada que nos aguarda no Restaurante Panorâmico! Confesso que uma sardinhada no final do dia pode ser um pouco indigesta, mas «em Pombal nada faz mal».
Alguns já tinham partido para os seus destinos, mas um bom grupo mantinha-se ali naquele fim de tarde quente, perpassado por uma amena brisa de Maio. O declinar do dia é mais propício ao retorno ao lar, ao avivar de memórias comuns, à confidência, ao desabafo, ao contador de histórias. E por isso surgiam aqui e ali, sentados ao redor de umas mesas, pequenos grupos afectivamente mais ligados por anos e anos de um convívio gerador de cumplicidades. Por contraste, via-se também um ou outro isolado, tão cheio de si ou talvez com problemas da infância ou da adolescência mal resolvidos e que, por isso, não conseguia partilhar daquele ambiente tão agradável e tão familiar.
Para o ano há mais, se Deus quiser. Não há bem que sempre dure...
publicado por beatonuno às 17:49
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. EM POMBAL NADA FAZ MAL - ...

. EM POMBAL NADA FAZ MAL - ...

. HERÓI E SANTO

. BEATO NUNO PROMOVIDO A SA...

. JÁ NÃO É SEM TEMPO

. Dos Calhaus da Diocese Br...

. AS ORAÇÕES ESCOLARES NO L...

. O POTE DA VERDADE

. BRACARA AVGVSTA

. COIMBRA

.arquivos

. Junho 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Julho 2008

. Maio 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds